Sobre nós Contactos

NEWSLETTER
Recomendação
Visite-nos na nossa livraria, na Rua Nova da Trindade nº24, de 2ª a 6ª feira das 10h00 às 19h00.

*Sempre que procurar um livro nosso e informarem que o mesmo está esgotado não deixe de se dirigir à nossa livraria ou consultar este site.

Título Autor Colecção ISBN  
A morte é uma flor. Poemas do espólio
Autor: Paul Celan
Tradutor: Tradução, posfácio e notas de João Barrento
Colecção: Poesia
Ano de Edição: 2017
ISBN: 978-972-8423-15-5
Novidade Promoção
Sinopse
Quando Celan se suicidou, em 1970, deixou 476 poemas inéditos (quase tantos como os que publicara), com as indicações “Não publicar!” ou “Absolutamente impublicável!” Apesar disso, cerca de metade foram já publicados na Alemanha no ano passado, meia centena dos quais João Barrento traduziu, posfaciou, anotou. “Não sendo poemas que venham fazer mudar a imagem que temos deste poeta e da sua poesia, eles permitem entender melhor o processo criativo e humanizam-lhe o hermetismo”, escreve Barrento. Público
Imprensa
"Este livro, como todos que ele escreveu, deu-me uma imensa alegria. É extraordinário, contém os poemas que Celan não publicou e que iluminam de algum modo os anteriores, são poemas muito menos herméticos. Paul Celan é o poeta alemão mais extraordinário depois de Rilke… e este é o seu livro mais acessível." Eugénio de Andrade, Público
Notas

 


voltar
Paypal.com